Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENCOXADAS E GOZADA NERVOSA NO METRô

Há quanto tempo! Nem gozei direito na senhora baixinha do último conto e na semana seguinte tive mais uma experiência alucinante. Tudo no mesmo trajeto.



Primeiro o trem. Como entrou muita gente sá deu pra ficar perto da porta, mesmo, sá que atrás de uma mulatinha feinha mas com uma bunda grandinha e redonda, de calça jeans acinzentada mole. Nem bem cheguei e já me encostei, pois notei seus olhares para mim e sua mudança de posição para ficar exatamente grudada em mim.



O pau já ficou duro na hora, e comecei a amassar muito na bundinha dela. Com minha mão abaixada ainda pegava do outro lado nas ancas dela. Cheguei ao extremo de botar meus dedos bem no meio das coxas dela, quase entrando na bundinha, isso como pau se esfregando e empurrando atrás daquele traseiro delicioso.



Quando o trem desafogou, ela fez questão de continuar onde estava e até foi pra trás pra me sentir novamente. Esfreguei mais um pouco, mas ela logo desceu. Depois sá fiquei nas dedadas em uma coxona de uma outra mulher que estava do meu lado e umas esfregadas nas coxas de uma loira alta que ficou de olho em mim.



Depois disso, a fila para entrar no metro. Afogadaço. Naquele dia passou uns quinze. Ainda bem ;)



Tentei primeiro uma outra neguinha baixinha, mas ela não estava muito pra conversa. O jeito foi se agarrar em uma velhinha super baixa, mulata, com uma bunda super-redonda e grandinha em uma saia jeans, encaixou perfeito no meu pau.



Depois de grudar nela, apertava cada vez mais. Meu pau estava praticamente no fundo da bunda dela, quase estuprando a mulher. Mas ela gostava. Ficava falando sem parar e falou várias vezes que pelo menos aqui estava gostoso. E remexia sempre quando íamos para trás, rebolava mesmo. E eu sá na dedada e metendo o pau com tudo no meio da bundinha redonda dela, esfregando com tudo, às vezes até segurando.



Sá que isso não foi nada. O melhor ainda estava por vir quando entrei no trem. Fiquei do lado da porta, encostado na barra do lado da primeira cadeira, sá que uma loirinha de gorro já estava lá. Uma loirinha que não vi a cara, mas que era branquinha e tinha uma calça social e dentro dela uma bunda redondinha, daquelas que você sente muito prazer de encoxar porque fica encaixadinho dentro dela, parece uma almofada.



Fiquei no maior esfrega nela porque não tinha pra onde ir, e meu pau chegou a tamanhos inimagináveis dentro do trem. Eu esfregava de lado, pra frente e pra trás, e ela nada. Fiquei grudadão nela, conduzindo para onde ela ia. Não tinha como não gozar.



E foi isso que eu fiz, perto do final da viagem. Estávamos parados e eu estava praticamente dentro da menina, com o pinto no meio da calça social gigante e enfiado no meio da bunda dela. Mais uma reboladinha e não teve como: dei várias gorfadas sem tirar o pinto do lugar. Ela deve ter sentido o líquido pegajoso saindo e escorrendo para baixo, eu praticamente me melei todo do lado esquerdo, e ela sentindo a temperatura mudar, deve ter ficado supertesuda.



E foi isso. Depois dessa brincadeira, apesar de mais baldeações, não dava pra fazer mais nada.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


madrasta e seu consolocontos eróticos comi a bundinha da mulher do meu amigo com ele dormindo realcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteContos inserto com as subriasler contos de zoofilia homens estrupando cadelinhasConto com foto vizinha peluda de vestido no matorossou em mim contosconto erotico broxei outro comeu"gostosona de fortaleza"buceta gegadecoroas defloração relatonem peitinho teen grita na pau do voeu quero ver mulher ficando engatada fique transando com poodle cachorro poodleconto erotico arrombei o travesti do baile funkminha cunhada tinha coriosidade sobre o meu pau se enprecionoucontos eroticos titio comedor de cuconto incesto mamae chupou meu pau e deu o cu rosa pra mim quando eu tava dormindorelato erotico buceta peluda da maecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentea menina e o cachorro de rua contos de zoofiliasexo com as amigas e as filhas contosContos gay fazendo a barbacontos eroticos a bunda do meu irmão caçula é uma tentaçãoconto erotico homens castradosconto porn insetuosoconto as coroa crenteAmigo do meu filho me fude junto com minha filha contoContos eróticos: acordava cedinho p levar rolaComo da o cu usando ropa de menina curtinha gaysconto erotico chupeteiro do cine pornocontos eroticos me xinga de piranha puta e meu marido de cornoNunca desconfiei do primo da minha namorada. Contoscontos eroticos arrombando a gordaconto erotico/12aninhosVideo Homem esfrega pênis na camacontos eroticos em portugalincesto com homens bem velhos e bem dotados com meninas novinhas novos relatoscontos-gays fui arrombado por um bombeiro no motelconto de o negao pirocudo rasgou meu cu sem donamoradinha virgem do amigo contos eroticosVideosputas fz boquete de na linguacontos eroticos arrombando a gordaContos eroticos minha esposa chorou no pau gigante do recepcionistacontogayporno contos eroticos timidas coroasvideo de cunhadoxcunhadaSou agora casada com meu ex primo viuvo conto eroticocontos eroticos Gay de fui visitar meu tio e ele me comeucontos eroticos arrombando a gordaconto erotíco fui sedusida nova e gosteiporno fode minha buceta vai étoda sua vaiahhhhconto erotico cunhada doente mentalcomendo cunhada depois de sarracontos eróticos fudendo a bucetuda de minha clientecontos erotico de cdzinha fudendo em copacabana em festa de fim de anocontos esposa da o cu no acampamento ao lado d marido no escurominha patroa gortosa e tarada por pauGGdando o cu no cine aroucheacustumada desde pequena na rola grossa mais a pica dele e muito grande e grossacontos eróticos boquete da minha vizinhacontos eroticos apostei com minha tia ela pedeu comi o cu delacontos eroticos punheta no.onibusporn conto com a gerentecontos eroticos gay meu tio de dezenove anos me enrabou dormindo quando eu tinha dez anosconto iroticos meu sogro comeu minha mulhe e minha filhadespedida de solteira com noiva pegando no pau dos stripscontos d zoof pegei minha sobrinha c um cachorroContoseroticoscomsogroconto erotico de mulher casada atraído o marido na praia de morro banco,cearaboquete no filho contoshistorias de sexo de mulheres casadas que gosta de ver o marido emrrabadocontos comi minha cunhadacontos eroticos sogra de 65anosvideos porno minha mulher me satisfazendo na cama presente de aniversário