Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A PRIMEIRA PICA AGENTE NUNCA ESQUECE



Tirei sua sunga e seu mastro ficou exposto, pude ver que realmente era muito grande e grosso, deveria ter uns 23 por 16. Ele pediu se podia pegar em seu pau e masturba-lo devagar, neste momento percebi que algo estranho estava tomando conta de mim porque sem nem mesmo perceber vi que estava com vontade de pegar. Timidamente peguei seu pau ainda em meia ereção mas bem grande, comecei a punheta-lo e sua pica foi ficando maior até que não fechava direito minha mão. Ele ficou de 4 ao meu lado e agora sim parecia um jumento.

Seu pau estava perto do meu rosto, não sei explicar fui tomado por um tesão enorme e puxei uma de suas pernas sobre mim e ficamos num 69, ao fazer isso ele disse se poderíamos trocar eu ficando por cima trocamos e agora minha bunda estava na cara dele e seu pau enorme em pé na minha frente, lambi seu saco e depois fui subindo até a cabeça, fui tentando colocar aquele pinto monstruoso na boca mas mal cabia a glande.

Foi quando senti sua língua tocar meu cú, tomei um susto e me contrai ele disse para eu relaxar que seria gostoso e foi me puxando de novo, sua língua mais uma vez tocou meu ânus, senti um arrepio gostoso e logo ele tentava enfiar sua língua dura em meu rabo, era bem sacana e delicado logo senti um dedo ser introduzido. A sensação foi estranha, mas gostosa por isso não reclamei, depois de algum tempo senti que ia enfiar o 2ª dedo, doeu um pouco mas ele fazia tão bem que o tesão era maior, de tempos em tempos sentia que ele enfiava mais um dedo, ele era tão carinhoso que praticamente não sentia dor apenas uma ardência com mistura de tesão e foi quando eu percebi que tinha 4 dedos enfiado no rabo. Muito estranho, ele estava mandando em mim, praticamente era a boneca dele e me tornando uma puta.

Pediu para eu ajoelhar e apoiar no degrau da sauna fiz sem nem mesmo pensar e fiquei com a bunda empinada e indefesa, ele se aproximou por trás e mandou eu segurar seu pau e esfregar no rego e na porta do cu, a sensação era muito gostosa, seu pau era quente, mandou eu colocar no olhinho e começou a fazer pressão vi que meia cabeça se encaixou, seu pau enorme me causava dor mas a idéia de agasalhar aquele monstro me causava um tesão maior e foi A histária que vou contar foi como eu perdir o cabaço do meu anel de couro. Conheci um cara que mais tarde seria o meu namorado. Ficamos juntos o tempo suficiente a ponto de decidir que ele seria o primeiro a tirar as minhas pregas.Me preparei para o grande dia e mauricio, viu que eu estava gostando, iria aproveitar ao máximo. Fomos para casa dele e começamos a nossa putaria. Chupava o seu pauzão e imaginava como eu iria aguentar tudo aquilo no cu. Passei bastante gel no meu buraco virgem e ele fazia pressão, eu levemente empurrava minha bunda contra seu pau e ia ganhando cm por cm até entrar a cabeça.

Entrou a cabeça entrou e nessa hora me deu uma vontade louca de cagar de tanta dor que sentir. Ele me segurou na cintura e lentamente foi enfiando todo seu membro sem pausa, senti seus 23cm enterrado e rasgando minha bunda, minhas pregas estavam estouradas, seu saco bateu no meu e a dor foi absurda. Imediatamente pedi para tirar e ele disse que não, tentei escapar mas, ele me segurou forte,enterrando seu pauzão mais ainda no meu rabo.

Ele disse “Agora safado você vai ser vai aguentar minha pica toda no seu cuzão, vou foder seu cú sem dá, vou deixar você arrombado, você pode até cagar,mas não tiro meu pau do seu rabo agora”. Sentia seu pau pulsar em minhas pregas, meu rabo ardia e a vontade de cagar continuava. Ele tirou um pouco e nesse instante eu não controlei as pregas e peidei. Ele sorriu com sarcasmo e como quem estáva acostumado a fazer macho peidar no seu pau. Ele enfiou de novo e eu continuando vendo estrelas de tanta dor, meu rabo ardia e a minha vontade era sá de cagar.Já estava uns 19 minutos com aquile pauzão rasgando meu cu, me abrindo todo. Depois que eu me acostumei com a anaconda no rabo, começei a rebolar e pedir mais. Empinei minha bunda e ele socava fundo e eu gemendo feito um puto.

Agasalhei aquele pau descomunal que arrebentava as minhas pregas e ele socando firme. Já não aguentava mais a rolona dele no rabo e pedir pra parar.Meu cú estava em brasa. Quando ele tirou o pau do meu cu, tava todo sujo de merda e sangue. Depois desse dia ficamos juntos por dois anos onde todos os dias eu levava gostoso no rabo e ele também.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


xoxota toda ardida com a madeira dentrobucetinha esposa ccbexperimentando a bundinha da garotinha conto gratiscontos eroticos noivas.boqueterassogra pegou eu no fraga batendo polheta e depois trazamoscontos eroticos arrombando a gordacoletania foto engatada caoContos eróticos sentei no pau duro do meu namoradocontos eroticos minha sogra quis econtos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos baixinha popozudacontos eroticos coroa 57 anos amiga da minha mãeinseseto commforcacontos eroticos - arrombando cuzinhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eróticos de professor Gaycontos quando eu era novinha fiquei brexando para ver meu tio comendo mia amigacontos eróticos grelao 4cmSou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempoconto gay fui abusado no alfanato pelo os fucionariogay e o cachorro contosconto enfiei a cueca no cuconto erotico negrocontos eróticos eu dormindo senti uma coisa lisa entrando nu meu cuconto erótico Amor proibido!!!! Amor Materno!!! janaina vem senta na picaminha mulher me fez corno e viado ao mesmo tempo eu adoreiconto chantageada suruba engolicontos eroticos minha sogra quis econto heroticominha mulhe tranzou com homem da pica grande no motel e filmou pra mim asistirconto gay era pequenocontoseróticos perdendo as pregas do cu e xanavídeos de porno mulher gazando espirrando no caralho grande tremorContos primeira chupadaviadinho japones dei pro negao do caminhão contos eróticoscontos mostrou duas picas pra minha esposaquando me masturbei saiu bastante gosma da minha buceta será que gozei?contos porno a novinha inocente malhandopai.trepa.duas.filhas.gemiasminha mãe adora bater punheta para o meu irmãoContoseroticosprimeiravezcontos a empregada de minha sogracontos do seu jorge pegando uma casadinhaconto erotico trepei com meu primo engravideicontos eróticos sou casada e trai o marido com negão africanocontos eroticos escrava sexual estupro brutalcumi a prostituta na esquina contos eroticosresolvi dar pro meu filho contos eróticos com fotoscontos eroticos fui bem comida feito puta e chingada feito vadiacontos eroticos arrombando a gordafui encoxada a forçacontos minha enteada minha amantecomir minha conhadinha irmã da minha mulher d ferias lá em casaver bpceta bem grandecontos de zoofilia sobre eguas e jumentascontos.erostico.comendo.minha.cunhada.beba.esposa.dela.estava.viajandominha bucta greludacontos eroticoscontos eroticos soniferoorgia com os nerdes casa dos contoscontos namorada chupa rola de outro escondidocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentesogro contos eróticoscontoscontos eroticos arrombando a gordaeu minha namorada e meus tios fazendo orgia no churrascomeu pai e o amigo dele comeram minha namorada contos eróticosContos ertico tia negracontos eroticos arrombando a gordaContos pornos-estuprei minha avócontos de coroa com novinhoa minha cunhada casada e saia justa contos com fotoscontoseroticospolicialcivil   Conto erotico seios doloridosContos Eroticos Dando a Buceta Pro Meu Vizinho Brennocontos eroticos delicia de infancia com meus vizinhoscontos de fuder avóconto erotico gay coroa viuvo faz viadinho de femeacontos ninfeta lesbica fodde casada hererona festa funk hetero pauzudo conto gayContos rasga o cu filhinhacomparando pintos contoscontos pornô casal fudendo com a empregadinha