Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O AMIGO DE MEU MARIDO

Olá, sou a Marcinha e novamente vou relatar uma transa que tive com um amigo de meu marido em um hotel fazenda na cidade de Atibaia-SP., no final do ano passado. Quem já leu meus contos anteriores sabe que procuro narrar os detalhes, talvez fique muito extenso para ler, mas transmite oque realmente ocorreu, tenho meu pequeno diário que vou anotando para depois recordar os meus encontros, e relendo fico com um tesão enorme... Sou descendente de japoneses, adoro sexo, me considero uma taradinha que adora fantasias. Possuo seios médios, cintura fina, bumbum arrebitadinho e redondinho, pernas grossas, um corpinho que chama atenção.

Era o encontro anual de representantes propagandistas, de 5 dias onde seriam debatidas estratégias de vendas, lançamentos de produtos no horário da manhã, e a tarde competições, gincanas e quem era casado poderia levar sua companheira. Chegamos por volta de 19 hrs, nos alojamos no quarto, trocamos as roupas e descemos, estava tendo uma recepção no salão de festas, logo na entrada o amigo de meu marido chamado Hugo um catarinense de 1,98 de altura, com aproximadamente 30 anos, um grandalhão, bem encorpado com uma pequena barriguinha de cerveja, veio ao nosso encontro já com copo de whisky para meu marido, fui apresentada a ele, ele meu olhou de cima em baixo, eu tava de saia jeans curta e uma blusinha que contornava meus seios e com barriguinha levemente de fora, falou poxa vc tem uma linda esposa, meus parabéns, me deu dois beijos no rosto e soltou a palavra e gostosa em meu ouvido, pensei que atrevido, não liguei, percebi que ele tava meio alto o bafo de alcool denuciava, mas esse tal de Hugo tava me desconcertando, tava cuidando, não tirava os olhos de mim, o tempo todo, bem pensei comigo, deve ser amor a primeira vista... comentei com meu marido quando subimos ao quarto, ele perguntou oque achei dele, meu marido também tava meio alto, disse que ele era um pouco assanhado, atrevido e dei uma risadinha e disse interessante, oque tinha me chamado atencao no Hugo era o tamnho daquele homem, imaginei aquele corpão em cima de mim... acabamos tomando banho juntos e fomos para a cama e fizemos amor gostoso, e eu já pensando naquele catarinense de 2 mt de altura...

No outro dia cedo, os homens foram para a reunião, umas mulheres para a piscina aproveitar o sol, outras foram caminhar, eu desci para a piscina, fiquei numa parte mais retirada perto de alguns arbustos, tomando um sol. Mais tarde almocei, descansei até as 2 hrs, alguns homens foram para quadra de volei, futebol de salão, meu marido para a turma do futebol suiço, acabei voltando para a piscina, retomando meu bronzeado, passado alguns minutos,quando dei por mim, o Hugo tava do meu lado me olhando, falou que bumbum lindo, tá pegando um bronze, já foi puxando uma cadeira, abriu o guarda sol, e puxando conversa. Como eu uso biquini fio dental para tomar sol, me ajeitei e agradeci, ficamos papeando ele tomando uma cervejinha, não tirava os olhos de meu corpo, ele perguntou pelo meu marido, como se não soubesse, ficou perguntando aquelas coisas de que quando o cara tá afim de te traçar, conversa mole que eu já conheço, entrei no papo dele e deixei a conversa fluir, aos poucos foi pendendo para o lado sexual, se meu marido é muito ciumento, se gosta de mim, se é carinhoso, se gosto de fazer amor com ele, qual a minha posição sexual predileta e eu para provoca-lo, comecei a arrumar a parte de cima do biquini, perguntei se ele gostava da marquinha do bronze, ele disse adorei mas quero ver a marca na parte debaixo, não me fiz de rogada levantei da cadeira, olhei para os lados, para não dar bandeira, fiquei na sua frente e ergui a parte de baixo do biquini, chegando a mostrar um pedacinho de meus pelos pubianos, ele arregalou os olhos, e falou desse jeito voce acaba comigo, me deixa com agua na boca... ele ficou maluco, derrepente ele ficou em pé na minha frente, olhou para os lados também, desceu seu short, ficou de sunga e mostrou o volume do seu penis por baixo da sunga, disse, olha oque vc tá fazendo comigo, tá judiando de mim, respondi na bucha, vc não sabe oque te espera, ele ficou doido, queria que eu subisse para seu quarto, falando eu to doido para transar com voce vou te deixar louquinha, pedi calma a ele e que tambem tava com vontade de transar, porém tinha o meu marido,teria de ver como tava o jogo de meu, desci para o campo e pedi que aguardasse dentro da piscina, mau coloquei minha bermuda meu marido apareceu, o Hugo já tava dentro da agua, meu marido nem percebeu sua presença, falei baixinho com ele, amor vou dar um trato no teu amigo, ele concordou e ficou doidinho de tesão como de sempre, pediu cuidado para não sermos visto e desceu novamente para o campo, chamei o Hugo falei que o time de meu marido tinha ganho e ia ter outra partida e que teríamos perto de uma hora, pedi para esperar uns 5 min apás eu subir ao meu quarto e que deixaria a porta encostada esperando por ele...

Subi e mau encostei a porta guardei minha bolsa, ele apareceu, fechou e travou a porta, veio para cima de mim, eu baixinha, com 1,65 de alt. sendo agarrada por aquele homem de quase 2 metros de alt,, me abraçou, me lascou um beijo de tirar o folego, tateava minha bundinha, puxava meu corpo de encontro ao seu com uma força, ele tava super tarado, e eu com um tesão que meu clitáris latejava e minha xaninha tava enxarcada. Ele abaixou a parte de cima do biquini, ficou olhando meu seios e massageava com sua maos enormes e começou a suga-los com muita força, pedi pra ele ir mais devagar, abaixou minha bermuda que tava por cima do biquini, falou quero transar agora com vc, disse calma o nosso tempo é curto, acho melhor nos encontrarmos a noite, ele continuou me agarrando, ele realmente tava a fim de me comer no meu quarto, não deixei, pensei vou deixar esse catarinensse doidinho de tesão é uma delícia ver o cara taradinho por voce, babando de tesão... tomei a iniciativa, abaixei sua bermuda, fiquei alizando seu penis por cima da sunga, tava duro que nem pedra, liberei seu penis da sunga, meus olhos brilharam, um penis enorme, tamanho proporcional ao corpo, a cabeça tipo cogumelo, me da um tesão tão grande quando chupo um penis com uma cabeça daquele tamanho, beijei seu penis, passei a lingua envolta e abocanhei, o Hugo deu um gemido de tesão, fiquei mamando gostoso, cheguei a gozar e imaginando aquele penis todo dentro de mim, caprichei na chupada, ele segurava minha cabeça e socava com força, percebi que ele ia gozar, a cabeça de seu pau inchou, ficou tão grande que não cabia em minha boca, ele deu um urro gozando, não deixei ele gozar em minha boca, gozou no meus seios, melou tudo, até a parte de cima de meu biiquini, fiquei masturbando ele até sair a ultima gota, me levantei, seu penis ainda estava duro, ele me beijou disse queria me penetrar, disse que agora não daria tempo, seria a noite, falei que jantariamos os tres a noite e que era para ele tacar bebida no meu marido, ele ficaria alto e logo subiria para o quarto e nos deixaria livre, ele concordou me beijou novamente, disse que eu era deliciosa e que não via a hora de transarmos, e foi embora para seu quarto.

Ajeitei meu biquini todo lambuzado de esperma do Hugo, para mostrar para meu corninho, demorou um pouco ele apareceu e contei tudo nos detalhes como ele gosta de ouvir, ficou taradinho, fizemos amor em pé, ele me penetrou por trás, gozamos gostoso...

Contei ao meu marido o tamanho que era o penis do Hugo, ele perguntou e vc vai encarar, falei claro vc me conhece e disse oque já tinha combinado com o Hugo sobre a bebedeira e sobre ele chamar para irmos dormir apás o jantar, descansamos o final da tarde, me arrumei bem gostosa, coloquei um vestido branco justo um pouco acima dos joelhos que não precisava de sutiã, uma tanguinha branca linda, salto básico e descemos, era 8 hrs da noite, o Hugo já estava lá, veio ao nosso encontro e falou jantem comigo, to naquela nesa, meu marido concordou, já vamos lá, deu uma cochichada em meu ouvido, disse se prepara ele tá parecendo um gavião atras da presa... sentei de frente para meu marido, começaram a beber. Ficamos os tres jantando e jogando conversa fora e o Hugo não tirava o olho de mim, secando meu decote e meu marido bebendo, não tava fingindo, fiiquei um pouco preocupada, ele tava até falando meio enrrolado; começou a música, o Hugo falou o casal não vai dançar, meu marido disse que não gostava e que tava meio alto, que ele podia dançar comigo e deu uma piscada para mim, fomos para a pista, ambiente bem escurinho, uma música romantica, e o Hugo dizendo palavras eráticas no meu ouvido, eu tava com um tesão de enlouquecer, os bicos de meus seios tavam estumecidos, de vez enquanto sua mão escapava no meu bumbum, eu dizia cuidado...fiquei pensando como seria a nossa transa dentro de instantes, aquele homem enorme com aquele penis cabeçudo me penetrando tarado do jeito que tava e o Hugo so que me apertando... Na terceira música, meu marido bate em minhas costas e diz que vai para o quarto, falei daqui a pouco eu subo... Logo que ele saiu falei para o Hugo ir na frente e deixar a porta aberta, ele subiu, esperei uns 19 min e subi, fui no meu quarto dei uma conferida, meu marido havia capotado e roncava, sai rumo ao quarto do Hugo vi a porta aberta e entrei, fechei, travei e o Hugo so de cueca veio ao meu encontro, seu penis tava duro e escapando para fora, me beijou, lambeu meu pescoço, desceu a alça do vestido e fiquei sá de tanguinha, ele me pegou no colo e me levou pra sua cama, me beijava, sugava meus seios, foi descendo lambendo minha barriga, até arrancar minha tanguinha e começar a me chupar, tinha me depilado e deixado so um triangulo de pelos bem baixinho acima de minha xaninha, destacada pela marca do buiquini, sussurrou que bucetinha linda, e me deu um banho de lingua que jamais esquecerei, minha xaninha tava ensopada, meus sucos escorriam, eu tinha gozado na boca do Hugo, até que ele veio pra cima de mim, na posiçao papai-mamãe querendo me penetrar, rapidamente me virei pedi a ele para deitar-se de costa e sentei em seu corpo, seu penis batendo em meu bumbum, comecei a fazer uma massagem com minha xaninha em seu penis sem penetrar, colocava seu penis no meio de minha vulva e ficava esfregando, gozei gostoso, fui esfregando minha xaninha por seu peito até chegar a sua boca, ele já começou a me lamber, me virei e fizemos um 69 delicioso, quase ele gozou, não deixei, queria ele bem tarado... me virei e fiquei agachada com a cabeça de seu penis na entrada de minha xaninha, fui descendo lentamente até entrar sá a cabeça, adoro essa posição, fico no vai e vem gostoso so na cabeça do penis, até que penetro tudo, é uma sensação maravilhosa, na pontinha dos pés e segurando no ar as duas mãos do parceito, gozo com muita facilidade, principalmente nesta posição que chamo de coqueirinho, fiquei bastante tempo, o Hugo urrava e começou a erguer o quadril gritando que ia gozar, soquei sem dá, sentei até o talo, sentindo aquele penis enorme latejando e

soltando os jatos de esperma dentro de minha chaninha, gozei junto com ele, apaguei por instantes, minha pernas amoleceram e não suportei o peso de meu corpo e me esparramei sobre o corpo do Hugo sem tirar seu penis que ainda tava duro de dentro de minha vagina toda encharcada com seu esperma ... no recompomos, ele levantou as costas da cama comigo sentada em seu colo, ficou em pé eu entrelacei as pernas em sua cintura, incrivel, seu penis durissimo, pegou em minha bundinha e começou a me levantar e socar novamente na minha chaninha que ainda tava latejando, pensei esse cara é viril e tá taradinho, comecei a rebolar no seu colo e a beija-lo, uma delícia, ficamos uns 19 min nessa posição, chupei sua orelha e gritei que ia gozar, pedi goza tambemmeu gostoso ele acelerou os movimentos e gozamos novamente, caimos exaustos na cama, saciados, minha chaninha tava dolorida, passei a mão e coloquei os dedos na abertura, assustei, tava larguinha, pensei tambem com esse penis enorme e cabeçudo, mas tava me sentindo nas nuvens, tinha gozado gostoso e queria mais... Me limpei, os esperma escorria pelas minhas pernas, o Hugo gozou dentro de mim duas vezes sem tirar o penis, ele falou vamos tomar um banho, topei ele me lavou e eu lavei ele, nos agarramos, beijamos embaixo do chuveiro, tentei fazer um boquete, seu penis tava flácido e não reagiu...

Tomamos uma bebida, olhei o relágio era 2 hrs da manhã, falei tenho de ir, ele negativo, antes das 4 hr vc não vai, disse que queria me comer de quatro na beirada da cama, conversamos mais uns 19 min,. Até que ele ficou em pé na minha frente, puxei ele para perto de mim sentada na beirada da cama, comecei uma gulosa, até que seu penis começou a dar sinal de vida, e ficou duro, fiquei apreciando o tamanho daquele penis com sua cabeça de cogumelo, dei mais uma chupada, ele me pediu para ficar de quatro na beirada da cama, abriu bem minha pernas, com os seios encostados na cama, toda arrenganhada, ele começou a me chupar por tras enfiava a lingua na minha xaninha e lambia meu rabinho, pensei ele tá querendo comer meu cuzinho, tá enganado, não vou deixar, seu penis é muito grande... ele ficou em pé e começou a me penetrar lentamente, eu tava toda molhadinha e tinha gozado em sua boca, ele passava o dedo na minha xaninha e melava meu cuzinho, até que ele começou a enfiar o dedo médio no meu cuzinho, deixei, a sensaçao é deliciosa, começou a socar com força seu penis em minha xaninha e enfiar todo o seu dedo no meu rabinho, não aguentei gritei que ia gozar, ai que gostoso, ele massageava seu penis com o dedo dentro de meu rabinho, fui a loucura, gozei duas vezes seguidas, gritei, rebolei minha bundinha, até desfalecer, ele com suas mãos segurava com força meu quadril, e aumentou o ritmo e gritou que ia gozar, senti denovo os jatos de eperma no fundo de minha chaninha, com seu penis latejando... fiquei desfalecida na cama com ele em cima de mim, demos um tempo, até nos recompormos, me limpei, minha chaninha tava encharcada de esperma e esfoladinha..., comecei a me vestir, ele pediu minha tanguinha de recordação, sá que falou para mim dormir com ela e no outro dia entregar a ele, falei tudo bem, mas qual o motivo, perguntei, ele queria ver a mancha de seu esperma na tanguinha, disse tudo bem, amanhã te entrego na piscina... Falei tchau, me encheu de beijos e perguntou quando nos encontrariamos novamente, falei seu taradinho, vc quer acabar comigo, demos risadas e sai. Já eram quase 4 hrs, meu marido roncava, me deitei ao seu lado sá de tanguinha e dormi bem gostoso e saciada, acordei com o despertador somente as 19 hrs da manhã do dia seguinte, não vi nem meu maridinho sair, tomei um banho, tava toda dolorida... Almocei mais cedo, sem os homens terem chego e fui ao quarto dar mais uma descansada, até que meu marido chegou pelas 2 hrs da tarde e foi perguntando tudo oque tinha sido a minha noite contei tudo nos detalhes, falei que perdia as contas de quantas vezes tinha gozado, ele ficou maluco e tarado, partiu para cima de mim,me jogou na cama fizemos amor gostoso.

Contei a ele da tanguinha, que o Hugo queria de recordação, ele falou sem problema, deixa eu ver ela, mostrei, tava manchada dos esperma do Hugo, falou o cara é maluco e deu risada... Falou vou descer 3 hrs tem jogo, e eu acompanhei ele, e fiquei na piscina, tinha pouca gente, já vi o Hugo dentro da piscina, com aquele sorriso, entrei na agua e fui ao seu encontro, perguntou sobre meu marido quando cheguei de madrugada, falei fique sossegado ele tava rocando... perguntou tambem se eu tinha gostado e se queria repetir a dose, falei foi maravilhoso, gozei como nunca, sá que hoje não dá, queria me recuperar um pouco, pensei, mas minha xaninha já tava latejando... ficamos na agua, até que sai e fui tomar mais um pouco de sol, ele ficou na piscina, eu já via a chance de transar com ele naquela tarde, meu clitáris tava estumecido e latejando de tesão, o Hugo veio e sentou-se ao meu lado já me dando um cantada, dizendo coisas eráticas, até que aceitei, o tesão falou mais alto, combinei que seria como no primeiro dia que nos encontramos, desci até o campo, avisei meu corninho, e subi até meu quarto, o Hugo chegou em seguida, fechei a porta nos beijamos, foi uma agarração danada. Ele tirou a parte de cima de meu biquini, sugou meus seios, fiz um boquete, esfreguei seu penis em meus seios, ele tirou a parte de baixo de meu biquini, me sentou na beirada da cama com as pernas em seu ombro e começou a me chupar gostoso, ficou sugando meu clitáris até eu gozar em sua boca, ficou lambendo minha xaninha por um bom tempo, disse que adorava sentir o gosto de meu suco... me colocou de ladinho com minhas pernas fechadas e me penetrou, nessa posição eu gozo rapidinho, não deu tempo nem de respirar e gritei que ia gozar, ele não gozou, sem tirar o penis, me deito de bruço com um travesseiro embaixo e ficou metendo, tava delicioso até que ele começou a socar com força e gritou que ia gozar, rebolei gostoso naquele penis e gozei também, desfalecendo e indo as nuvens...

Nos limpamos deitamos na cama e começamos a conversar, comecei a alisar seu penis e fui chegando e comecei a fazer uma gulosa, seu penis demorou um pouco a ficar duro, caprichei na gulosa, até ficar no ponto, ele falou que tinha uma fantasia comigo, queria me comer em pé comigo de costa para ele, e quando ele fosse gozar, eu chupar seu penis, não precisava engolir o esperma, so gozar em minha boca, topei não pensei duas vezes, gostava dessa situação. O cara gozando na minha boca e eu olhando seu rosto na hora de sua gozada, é uma sensação de tirar o folego, fomos na banqueta, sentei, chupei mais um pouco seu penis, ele pediu para eu ficar em pé e de costas, empinei a bundinha ele começou a penetrar, bem lentamente, e falava sinta a cabeça entrando na sua xaninha, falava frases gostosas, começou a me chamar de japinha putinha, japinha tarada, japinha seu marido é o maior corno do mundo, a mulher dele é muito gostosa e gosta de meter, e vai beber meu leitinho...essas frases me deixaram alucinada, gritei e gozei rebolando no seu penis, ele socando sem dá, fiquei meia desfalecida as pernas não obedeciam, pedi para ele sentar na banqueta, bem na beirada com as pernas abertas, seu penis ficou todo exposto para mim, sentei sobre seu penis de costas para ele, segurando meus joelhos sem tocar em suas pernas, nessa posição a penetração é profunda, soquei gostoso, rebolava, tirava todo o penis de minha xanninha e sentava com força novamente,daí a pouco ele gritou que ia gozar, desgrudei dele me virei abaixei abocanhei seu penis, engolindo até o talo, mexendo a lingua em volta cabeça até sentir o primeiro jato de esperma em minha boca, engoli todo seu penis ate ele gozar no fundo de minha garganta, suguei até a ultima gota, suas mãos estavam tremendo de tesão, ficou sentado na banqueta exausto e me passou a toalha para cuspir, cheguei meu rosto perto do seu, abri a boca e mostrei o seu esperma na minha boca, mexi a lingua e engoli tudo, ele falou vc é louquinha, é uma japinha safadinha e tarada, seu marido tem sorte em ter voce, fui em direção a sua boca e taquei um beijo de lingua nele, que correspondeu chupando minha lingua... Ele se vestiu me deu mais alguns beijos e foi embora, coloquei uma roupa e fiquei na cama esperando meu marido, ele demorou um pouco, acabei cochilando, acordei com ele tomando banho, fui ao seu encontro e contei tudo, nos minimos detalhes, fomos para a cama e transamos gostoso... A noite jantamos com o Hugo, quando meu marido foi ao banheiro, ele já me deu uma cantada, falei essa noite é do meu maridinho, e como iamos embora somente no dia seguinte na parte da tarde, disse a ele que talvez nos encontrariamos, ele pediu para eu confirmar, pois não queria ir embora sem transar mais uma vez comigo, sugeriu, que apás eu transar com meu marido, esperasse ele dormir e fosse ao seu encontro, falei vou pensar olhei para ele dei uma risadinha com cara de safadinha... Subi para o quarto com meu marido, contei a proposta do Hugo, meu marido disse esse cara é um tarado, tá pensando que a mulher é dele, e veio para cima de mim acabamos fazendo amor bem gostoso, eu tava saciada, mas pensando no Hugo...nos recompomos e demos um cochilada, fui ao banheiro me lavar, meu marido perguntou se eu iria ao encontro do Hugo, falei, se vc deixar, e sá se for para me despedir dele, mas tem de ser bem rapidinho, ele disse vai sua taradinha eu deixo se tiver a fim... não pensei, minha xaninha já estava meladinha novamente,coloquei um vestido preto tubinho sem tanguinha, dei um beijo na boca de meu marido e fui para o quarto do Hugo, apertei a campainha ele apareceu com aquele sorriso, falando, eu sabia que vc viria, perguntou por meu marido, falei que ele tava dormindo, mas teriamos de ser rápidos, me puxou para dentro, me agarrou, me tacou um delicioso beijo de lingua, abaixou o meu vestido deixando meus seios de fora e sugou-os deliciosamente, ergueu meu vestido até a minha cintura, percebeu que tava nua. Tateou minha bundinha, me pegou no colo e me jogou na cama e começou a me chupar, gozei rapidinho em sua boca, gritando e rebolando... ele partiu para cima de mim e me comeu no papai e mamãe, seu corpo me cobria inteirinha, sua penetração forte me deixava louca, ele começou a me xingar novamente de japinha safada, tarada, putinha, não aguentei e gozei gostoso, ele socando num vai e vem delicioso, até que gritou que tava gozando, ergueu minhas pernas até seu ombro e despejou seu esperma dentro de mim, sentia seu penis dilatando dentro de mim, gozei novamente fincando as unhas na sua costa... apaguei por instantes, não tinha forças para levantar da cama, gozei como nunca... pedi uma toalha me limpei, meu clitáris tava dolorido de tanto tesão, me arrumei ganhei mais uns beijos e elogios e fui embora, caminhava até com certa dificuldade, estava meia tonta de tanto que tinha gozado. No outro dia pela manhã, despedimos de nossos colegas, o Hugo tava no estacionamento arrumando as suas coisas, cumprimentou meu marido me deu dois beijinhos sussurrou a palavra gostosa em meu ouvido, me deu um abraço, fomos para nosso carro e partimos. Do início deste ano (2009) até julho09, já me encontrei com o Hugo 4 vezes em Maringá-Pr., quando ele esta no roteiro de vendas na cidade de Guarapuava-Pr, ele dá um jeitinho de vir me encontrar, eu acho maravilhoso... Tenho meus encontros com o consentimento de meu marido, conto todos os detalhes a ele, isso lhe da um super tesão e eu aproveitamos nosso relacionamento. Sei que ele também dá suas escapadas, mas não ligo, pois também curto minhas fantasias e dou minhas escapadas que curto com muito tesão.

Beijos. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Bucetas aregaladas e raspadibhacontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos shortinho pppcontos casada pegando carona no caminhaocontos gay brincadeira de luta comi meu irmãozinhoContos eróticos estreiando á xaninhacontos eroticos minha cadelinha manhosasó um pouquinho contos puro sexo sou muito deliciosa viajei com meu filho conto incestocontoseroticos fiz chantagem com minha chefecomeram meu cuzinho conto gayContos eroticos minhas tetas roxas de tanto chuparemComi a cadeirante casada contoscontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosde camisola sem calcinha filho aproveita o cu dela searchpaguei minhas conta com a buceta levei vara sem do contos eroticosnegao e o seu caralhoMulher trepano so com caralhudosporno conto mae gravedameu marido bebeu e meu cunhado me comeue bom de maismete na minha vizinha gordinhacontos erótico de velhas que adora ser chingadascontos eróticos de filhos t***** de pelas calcinha da sua mãecontos de coroa com novinhocontos de coroa com novinhocontos er¨®ticos cu da estudante novinha de Fortalezaloira gostosa goza sozinha comtá um poko da sua safadademulher. safada. botado o leite do peito para foracontos eroticos. traiTransei Com Minha Primaxvidio cabeçudo com bodudasgay seduzindo hetero abaixando preso da casa so pra transarcontos eroticos namorado e amigo mesma camacontos esposa safadas e putinhascontos eroticos de viadinhos de calsinhacoitado do meu cu contosconto erotico meu cunhado viajou maninha pediu pra eu ficar com elacontos eroticos arrombando a gordaConto erótico pausudo capixabacomendo a carlinha casa dos contoscontos eroticos delegadodias e  Meu cuzinho contoscontos eróticos aninhosvideos zoofilia cavalos gozando na bucta epenetrandocontos eroticos vizinha de camizola curtinhacontos eróticos de negrinhas que gosta de fuder com homem brancos mais velhosContos eroticos de meninas estupradas.janaina vem senta na picacontoseroticos sogra e genro na agua da praiaconto de sexo com rabuda asquerosocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentepagando conta cartonsex familiacontos eroticos incesto fudendo minha filha com meu melhor amigoconto esposa chantagemcontos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadosVem vem safado contovoyeur de esposa conto eroticocontos eroticos de incesto: preocupada com meu filhoFui estuprada com penis de borracha contocontos de casadas que se entregam a outro homemesposa safada. contosporno gay conos erotico iaento tio e sobrinhocalcinha incesto contoscontos eroticos casada fudeno com negao eo marido vendocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevagina que contrai o penisconto gay fiquei bebado e dei o cumeninas piranhas de calcinha fio dentalpadastru safadu enrabadugozando la dentro da buceta vermelhinha da dimenocontos eroticos um menino ou um homemdando a buceta na maquina e quase morrendocontos minha irmã deixafui chupada igual uva contos