Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PERDI MEU CABACINHO COM O PAI DE MINHA AMIGA!

Tenho 20 anos, nunca fui uma mulher desinibida, mas admirava minhas amigas que eram, saiamos e eu sempre sobrava, pois cheia de preconceitos não tinha coragem de ficar com ninguém. Até que um dia fui convidada para passar um final de semana na casa de praia de minha amiga Paulinha. Os pais dela eram separados a mãe era mais velha que o pai e já havia casado de novo e Paulinha morava com ela. Com a separação o pai resolveu montar uma pousada muito fina na praia. Chegamos e foi àquela festa, o pai ficou super feliz pela filha ter ido e fazia de tudo para agradar, Marcelo era um coroa sarado, deveria ter uns 45 anos, muito bem conservados bronzeado e cheiroso. Ficava sá de sunga e camiseta o dia todo mostrando aquele corpo sensual. Ao voltarmos da praia o pai que não tirava os olhos de mim, ofereceu para nos levar para um passeio de barco, achei átimo, mas minha amiga não quis ir, mas insistiu para que eu fosse, pois era um passeio lindo e no dia seguinte iríamos para outra praia. Fiquei meio sem graça, mas não pude recusar, pois seu pai já estava com a cesta de lanche pronta na porta. O barco era lindo e conheci varias prainhas até que paramos pra mergulhar em uma ilha com uma areia branquinha e deserta. Mergulhamos muito e fui para prainha da ilha para descansar, deitei na areia era um final de tarde o sol estava se pondo mais ainda muito forte. Procurei uma arvore e deitei para sair um pouco do sol, foi quando aquele homem maravilhoso deitou ao meu lado e começou a falar que eu era muito bonita e que minha boca era um pecado. Virei o rosto para agradecer e ele me agarrou e me beijou como se fosse me comer, retribui e começamos a ficar excitados, mas que depressa tirou meu biquine e começou a me lamber, chupou meus peitos e foi descendo até chegar à minha buceta que já ardia de tesão, chupou meu clitáris como se fosse uma chupeta, passou a língua na buceta toda e perguntou seu era virgem, disse que sim ele perguntou se eu queria continuar virgem, pois ele estava tarado para me comer, mas sá faria se eu realmente tivesse certeza, respondi que queria, ele insistiu se eu tinha certeza, pois não tinha volta. Já não aguentava mais de tensão, levantei enfiei a boca no seu caralho e chupei, lambi até ele me colocar de quatro e com muito carinho foi enfiando o caralho todo na minha buceta, arrebentando meu hímen. Fiquei louca de tesão e quando ele tirava pedia para não tirar, estava segurando para não gozar, pois estava muito gostoso. Não aguentei e gozei, ele continuou a meter e foi enfiando o dedo no meu cuzinho e metendo o caralho na minha buceta, fiquei excitada ele pediu para gozar no meu cuzinho e eu deixei. Com muito carinho ele foi enfiando e acariciando meu clitáris, quanto mais ele enfiava mais eu queria aquele caralho, ate que entrou todo e eu já estava toda relaxada e com tanto tesão que gritei que ia gozar ele ficou louco e gozamos juntos. Deitamos exaustos, ficamos assim um tempo, levantei e fui em direção à água e ele foi atrás, ficamos brincando na água como se fosse o paraíso. Pulávamos as ondas como crianças que haviam ganhado um brinquedo, até ele me levantar e chupar meus peitos sentia seu caralho duro em minhas pernas que já estavam bambas. Foi saindo da água chupando meus peitos e me deitou na areia, abriu minhas pernas colocou em seus ombros e a boca na minha buceta, chupava, gemia, enfiava a língua no meu buraquinho que já estava ardendo de tesão. Quero que goze na minha boca, quero sugar todo seu mel..... Ficou chupando, lambendo e enfiando o dedo no meu cuzinho até que explodi em. Gozo. Ele ficou tão louco com meus gritos de prazer, que me soltou e meteu o caralho na minha buceta com tanta força que gemi de dor, tirou e gozou em minhas pernas. Ficamos abraçados até começar a escurecer. Voltamos para casa, chegamos lá tinha um bilhete de Paulinha que não pode esperar, tinha ido com uns amigos para balada e não era para esperar, pois sá voltaria no dia seguinte. Fui para o quarto tomei banho, estava muito quente vesti uma roupa bem leve e fui para cozinha preparar um lanche,. Ele chegou pegou um copo com gelo e começou a sussurrar em meus ouvidos que eu era à mulher mais gostosa que ele havia conhecido. Fiquei arrepiada com aquela voz, virei para pedir que parasse, ele me agarrou e beijamos como se fosse à primeira vez, ele tirou meu vestido, minha calcinha, me deitou na mesa e começou a passar o gelo no bico do meu seio deixando durinho e depois sugava com aquela língua quente, foi passando gelo no meu corpo e lambendo, estava queimada de sol e aquele gelo era tudo de bom ainda mais acompanhado com aquela língua enorme.... Foi descendo abriu minhas pernas e enfiou o gelo na minha buceta, eu gemia ele tirava o gelo e chupava me deixando louca.... ficamos assim até não aguentar mais e pedir para meter o caralho quentinho na minha buceta gelada e ardendo de tesão . Mais que depressa ele enfiou seu caralho agora com camisinha e gozamos juntos. Ficamos nos acariciando a noite toda, lanchamos e fomos dormir juntos e abraçados. No dia seguinte, Paulinha chegou pediu desculpas por ter me deixado sozinha, mas não podia deixar de ir com o gato que ela tinha conhecido na praia. Ficamos na praia a tarde toda, mas não pude entrar na água, pois minha buceta e meu cuzinho estavam ardendo de tanto transar. Quando estávamos saindo, Márcia perguntou se tinha rolado alguma coisa com o pai dela, pois há muito tempo que não via ele tão feliz. Fiquei calada e ela me olhou.... Não precisa responder seus olhos estão brilhando como os dele. Marcelo colocou as malas no carro abraçou a filha e ao me abraçar sussurrou, posso te esperar nas férias, respondi que sim e fiquei contando os dias para as férias chegarem.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos depois de muito tempo dei pro sobrinhocomi minha priminha loirinha da bundinhadeliciosacontos de danadinhas com homens casadosContos eróticos teens incesto pai ver o filhinho dormindo de pinto duro e chupacontos eroticos na praiavideos putas chupando e achado q a pica e poucacontos eroticosem familiaconto erotico comendo um crossdressercomo fica a bucetaalargada com garrafa?contos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos porno casadas o negrinho safadocontos chantagiei minha mae e mi dei bemcontos totalmente arregaçada meu marido vai perceberlésbicas casadas liberadas conto eróticocontos sexo incesto amo meu filhocontos eróticos comendo a vizinha atouafamily sex 2 - contos eroticoscontos estorei o cu da minha empregada com pau exagerado de grossovidios pornu mulhe qUe gota de trasa vetida com fataziacontos eroticos estourando a bucetinha minusculadopei meu irmão de oito anos e fode ele incesto gaycontos eróticos calcinha furadacontos eroticos presente para cunhadagay "engole vagabunda" contocontos mulher coloca silicone no peito e na bunda para ficar gostosalevei minha prima pro mato na infanciaescravizando minha funcionaria conto eroticocontos eroticos orgia com velhosconto erotico violentada na escolacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticossobrinha brincando com bonecacontos eroticos gays gabriel o gatinho da outra salavelho tarado contos eroticos de incestonovinha teen sofrendo na mao do patrao pornocontos eróticos de incesto minha mae no meu colocontos eróticos de novinha que deu a b******** bem gostoso para o cão f**** o cachorromeu amante me depilou toda contosSe a mulher fica engatada com o ccao quanto tempo ela pode ficar grudadacontos eroticos de faxineiras coroas safadasNunca desconfiei do primo da minha namorada. Contoscontos vizinha feiaminha tia coroa crente de 57 anos contoconto esposa se transforma na casa de swinghistorias de meninas que se masturbaram enfiando cenouras no cu e na checadesenho pornos dos flinstones cornodopei meu irmão de oito anos e comi ele incesto gaycontos eroticos arrombando a gordaminha filinha bricando minha pica contos eroticosNo cu da minha namorada amigo contos relatosFui passear fui estupradocontos maninha adora meu pauConto Erótico Amiga PEITUDAcontos de corno acampandocontos de incesto onde tio coloca sobrinha de nove anos no colocontos com fotos esposas com a buceta cheia de porra de negrosbucetao crupadoContos erótico Lara a experienteRelatos eroticos de professoras casadas brancas que foram usadas por alunos negrosconto erotico com crenteMeu nome é dado (apelidio),tenho 35 anos e minha esposa mara tem 32 anos.Somos simpaticos ,com caracteristicas bem Brasileira .contos eroticos com a dona da pensão casadahttp://okinawa-ufa.ru/conto_1767_putinha-desde-novinha---esfolada-e-sacaneada-por-h.htmlcontos fui faser a obra du meu tio arobei sua mulhernegao arombo cu da sogracontos-gays sou gay e fui arrombado pelo pauzao grosso e grande do meu patraohomen dando cu para a gradeumulheres casadas com picudos/contos com fotoscontos eroticos arrombando a gordacontos encoxada com o maridocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentevoyeur de esposa conto erotico