Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DE SAIA NO TRÊM LOTADO.

Oi, meu nome é Fernanda tenho 19 anos e eu moro no Rio de Janeiro, depois de contar alguns casos q aconteceram comigo ou que eu aprontei a amigos que tenho no Mirc resolvi escrever aqui.

Bom, pra saberem um pouco + de mim: Sou branca, tenho cabelos lisos castanhos com mexas loira, olhos castanhos, 1,67 de altura, 58 quilos, tenho pernas grossas, bumbum grande, seios pequenos pra médio e a xaninha eu costumo variar, as vezes esta carequinha outras peludinha mais sempre cheirosinha.

Hoje vou contar o que acontecia comigo ano passado quando eu ia pra escola, eu moro na Zona Norte e estudava no Centro, no horário da manhã então pra não ter que pegar trânsito eu ia de trem da escola, tinha uma amiga q ia sempre comigo e tinha um garoto que ia tb às vezes.

Todo dia era a mesma coisa o trem sempre vinha lotado, agente se espremia dentro dele, e todo dia tinha uns caras que passavam a mão e roçava em mim e na minha amiga.

Com o passar dos dias comecei a reparar que eram sempre os mesmo caras que faziam uma rodinha na gente e ficava se aproveitando da gente o garoto que ia com agente foi reclamar com um dos caras e acabou tomando um soco, os amigos dele ainda roubaram o dinheiro, relágio e mochila desse meu amigo. Nesse dia fiquei assustada e um deles falou pra mim que nada ia acontecer comigo nem com a Patrícia minha amiga que ia sempre comigo.

No dia seguinte eu e a Paty fomos pra escola sá nos duas, pois o garoto q ia com agente disse que não iria mais de trem pra escola, e como sempre os caras ficavam passando a mão e roçando na gente, era sempre do mesmo jeito, um cara parava atrás de mim e os outros ficavam em volta pra disfarçar o cara que ficava atrás colocava o pau pra fora e esfregava na minha bunda, ele passava a mão e apertava tb meu bumbum passava a mão na xaninha sempre por trás pra não chamar a atenção, eu ia sempre de calça pra escola eles sá passavam a mão por cima da roupa mesmo, no começo ficava um pouco assustada mais depois fui gostando, eles colocavam papel com o numero do telefone deles no bolso da minha calça (mais eu nunca liguei), às vezes colocavam ate dinheiro o que eu não gostava era que eles gozavam em mim deixava minha calça toda suja, sempre que eu chegava na estação tinha que ir ao banheiro limpar a calça.

Era sempre na ida pra escola, por que na volta eu voltava de ônibus ou de carona e ficou assim ate o final do ano, eu e a Paty sempre íamos de trem sempre no mesmo vagão chegamos a ganhar ate calcinhas e sutiãs deles.

Então quando já estava no fim do ano a Paty teve uma idéia, ir pra escola de saia em vezes de ir de calça como sempre agente ia, eu topei então combinamos as duas de ir de saia e levar a calça na mochila pra vestir quando chegar na escola.

Eu fui de tênis branco, blusa da escola branca, saia preta curtinha (tipo as q a Sabrina usava no BBB) e calcinha e sutiã de renda vermelho.

Nesse dia foi a ida pra escola mais demorada da minha vida, quando entramos no trem os caras olharam pra gente e sorriram, rapidamente eles fizeram a rodinha como sempre, o cara que ficou atrás colocou o pau pra fora e ficou roçando na minha bunda, eu sentia o pau esfregando na minha calcinha, ele começou a meter a mão por de baixo da saia colocou minha calcinha de lado e ficou me alisando e enfiando o dedinho em mim, ele me abraçou forte e esfregou o pau na minha xaninha dava pra sentir ele tentando entra, quando eu sentia a cabecinha entrando eu me mexia e não deixava ele encaixar, ele tava sem camisinha e ficou bombando em mim com o pau esfregando na minha xaninha mais em meter ele gozou e me lambuzou toda fiquei toda gozada então veio outro pra trás de mim e ficou esfregando tb ele esfregava o pau por trás e colocava a mão pela frente na minha xaninha ele chegou a meter mais eu tirei então ele ficou me tocando e roçando ate que eu gozei e ele tb.

Quando chegou na estação eu soltei e fui direto pro banheiro de limpar e vestir a calça eu tava com a calcinha toda gozada, a Paty ficou com a calcinha rasgada eles tb meteram nela.

Nos duas nos limpamos vestimos a calça e fomos pra escola, esse foi o ultimo dia que andamos de trem juntas pra ir pra escola, foi uma viajem das mais demoradas e tb das mais prazerosas.

Ate hoje tenho a calcinha gozada sem lavar, às vezes pego ela, lembro desse dia e me masturbo.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


cache:Z27QSQh68NwJ:https://mozhaiskiy-mos.ru/m/conto_3473_meu-vizinho-fofo.html contos eroticos abusada levando tapaminha tia coroa crente de 57 anos contocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentefiz meu marido de meu corno e meu cumplicecontos eroticos arrombando a gordaviciada no pau do meu cachorrobucrtinas novinhasassistir porno comendo gostosa dopando mulher na casa delconto erotico de o amigo de meu namorado me comeu na casa dele e ele nao viuminha esposa e sua namoradinha contocontos gays meu macho tirou leite do minha teta e me fez usar calcinhaconto moreno heterohistorias de meninas que se masturbaram enfiando cenouras no cu e na checaCasa conto eroticos noiva deixou noivo por outra pica do negãoler contos de jovens heteros iniciados por outro jovem no sexo gayfodemos muito minha mae putacontosnamorada de calnsinha centou na picacontos eroticos espermaManinho me arrombou gostosomulher tem fetiche tama pirocada de travesticontos felipe comeu minha mulhrerContos eroticos currada no onibus de fio dentalcontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto erotico casada trai com cunhado otraveco dominando e excitando macho em banheiro, contos com fotoscontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de surubas inesperadas com esposamulher saFada deixa cachorro chupa sua xNaminha mulher fudeu com o parceiro da quadrilha contoFui confessar e comi a madre contosvelhos viciados contos eroticoContos com cu de idosassTenho uma tara incrível em ver mulheres lutando e foi com muito custo que consegui convencer minha então noiva a se atracar com mulheres semi nua, e em algumas lutas completamente nua, para o meu prazer. às vezes fico com peso na consciência pois oMinha madrinha ela mora sozinha com sua filha eu vou sempre na casa da minha madrinha fuder ela eu fui na sua casa ela tava sozinha eu fui com ela pro seu quarto eu tava fundendo ela sua filha chegou sem fazer barulho ela entrou no quarto ela viu eu fundendo minha madrinha ela disse pra minha madrinha que ela queria perder sua virgindade da sua buceta minha madrinha disse pra ela tirar sua roupa pra ela deitar na cama eu chupei sua buceta virgem raspadinha minha madrinha disse pra ela chupar meu pau ela chupou meu pau minha madrinha disse pra ela abri bem suas pernas minha madrinha disse pra eu meter meu pau bem devagar na buceta virgem dela conto eroticocontos a filha da minha namoradacontos eroticos do R.G.do Sulcontos eroticos espertinhaContos eroticos comeu a familia todaContos com cadelasContos eroticos.da mamae e filho na casa de praiaduas munhe vai calvaga i da pra a cavalo fude ate goza zoolcontos depois de 30 anos de casado pede a minha mulher para ser cornoContos eroticos forcadocontos eroticos arrombando a gordacontos erotico viajando com paicontos vendo a irma sendo fodida betinhaContos eróticos cearácagando na cara contoccontos filha se fode pra aguenta a geba do pai no cu com fotos marido de pau pequenocontos eróticos de casadas rabudas traindo seuconto porno mulher gosta pau 25cmPorno sauna com loira e a namorada ciumentaContos eroticos com foto eu era novinha nao tinha nem peitinho e meu padrasto tirou a virgindade da minha bucetinha e do meu cuzinhocontos de professor e alunaTirei a virgindade da buceta da minha empregada com a minha cinta com pau de boracha conto eroticotem homem on line dar telefne pra foda com mulher casada chupa seu pau deixa chup bucetacontos safadezas com a tia casada inrrustidaA mulher do meu amigo gemeu baixinho na minha vara pra ele não ouvirConto Erótico Real - Casada Infelizcontos porno dei boa noite cinderela para meus pais e comi minha maeconto gay jornaleiro safadocorno no cinema contosContos eroticos de comi a bunda do professorcontos veridico de priminhacontos eroticos Gay de fui visitar meu tio e ele me comeumulheres que esquesero de vesti a causinha mostrano abusetaMamadas no pau do papai contoseroticosainda vou comer esse seu cuzinho contocontos eróticos pai dotadocontos de lesbicas babascontos eroticospais e filhas novinhasconto grelo assanhadoteta gostosa contos eroticosmulher se esfregandono travesseiro contoconto eles gozaram na minha mulherContos minha doce sobrinha melIncestoconto.meninas