Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMI A MINHA MAE E MEU PAI FLAGROU

Comi a minha mãe e meu pai flagrou.



Como havia relatado na série “O melhor conto de incesto e orgia”: Marcos era striper e minha mãe, minha irmã, minha tia, minha prima e minha esposa haviam chupado seu pau no chá de panela da minha prima.

A mãe de Marcos era uma baixinha gostosa, quadril largo, bunda grande, coxas grossas e seios pequenos. Seu pai, o Sr Agenor, vivia brigando com ele porque não aceitava o tipo de emprego que o filho possuía. Como eu havia relatado ele montou um clube das mulheres.

Na hora do jantar ele ficou ouvindo o pai reclamar na sua orelha. Sua mãe nada dizia, estava acostumada a discussões diárias. Ele terminou o jantar e foi para o quarto e jura pra si mesmo que colocará um par de chifres no pai. Ele vestiu uma cueca samba canção de seda e tomou um remédio para o seu pau enrijecer, colocou um anel peniano para segurar a ereção. Seu pinto ficou grande e grosso, com as veias a mostra e a cabeça inchada. Ele aguardou seu pai ir deitar e foi para a sala deitar no sofá para assistir TV. Arrumou a cueca para que ficasse bem definido o tamanho do seu pinto. Sua mãe apareceu carregando a mesa de passar roupa, vestia apenas uma camiseta comprida que ela usava para dormir. Quando foi começar a passar ela reparou no mastro do filho e ficou de boca aberta. Ela estava atrás dele, mas ele podia vê-la através do espelho da estante. Podia ver que ela passava a roupa mas não tirava os olhos do volume da sua cueca. Então ele fingiu que dormiu. Apás alguns minutos e ela ter guardado a roupa ela sentou ao seu lado e passou a mão sobre seu umbigo carinhosamente e chamou-o para ir para a cama. Marcos fingiu que coçou o saco e expôs o pau para fora. A boca da sua mãe encheu dÂ’água e sentiu um arrepio na espinha. A cabeça do pênis do seu filho estava vermelha e brilhava. As veias estavam bem definidas, há muito tempo ela não via um pau daquele. Continuava a chamar, baixinho: “Filho, vai pra cama.” Desceu os dedos do umbigo para aquele membro e esfregou as unhas para ele não acordar. Colocou os cabelos para trás das orelhas e baixou a cabeça até o pau do seu filho. Aproximou o nariz e cheirou, ela sentiu o calor que o pau emanava. Segurou o cabelo e encostou a ponta da língua na cabeça. Um fio de saliva ligava a língua com o pinto de Marcos. Então ela olhou novamente para ver se ele não havia acordado e deu uma chupadinha para limpar o pau da saliva. Ele não aguentou e levantou e abraçou a mãe, que empurrou-o de volta. Marcos agarrou com força a bunda da mãe e puxou de volta na sua direção e disse em seu ouvido: “A Sra é muito gostosa”. Ela olhava com medo para a porta do quarto e tentava empurra-lo e dizia: “O seu pai...o seu pai”. Ele abriu as suas pernas afastou a calcinha e enfiou, enquanto seu dedo desceu para o cuzinho. Sua mãe enfiou a língua na sua boca. Foram para o chão agarrados e ela começou a come-lo dizendo no seu ouvido: “Come filhinho...come a mamãe...que pinto gostoso...enfia.” e enfiou a língua na orelha do filho que penetrava-a sem dá. O dedo de Marcos continuava atolada no cu da sua mãe. Ela levantou, tirou a calcinha mais continuou com a camiseta. Puxou-a até a cintura expondo a buceta e sentou no pau de Marcos. Ela pôs as mãos sobre o peito do filho e iniciou o movimento para frente e para trás. Sua buceta molhada molhava todo o pau do filho. Ela olhava para trás para ver o reflexo no espelho daquele pau enorme entrando e saindo da sua bucetona. Ela afastou as alças da camiseta e encostou seu peitinho para Marcos chupar.

Sem desviar o olhar do espelho ela segura no pinto do filho, tira da buceta e coloca na entrada do seu cu. Ele força a entrada e ela rebola para facilitar. Então ele desliza para dentro e ela geme: “Arromba a mamãe com esse pintão.” E começa a cavalgar.

Quando de repente a porta do quarto se abre e seu marido disse: “O que é isso?” com os olhos arregalados e o coração a mil. E ela calmamente responde: “Que pergunta idiota, estou dando o cuzinho pro meu filho.” Ela fecha os olhos e enfia o pau do filho inteiro no seu cu e começa a gemer alto como se quisesse que os vizinhos escutassem: “Isso...ai...ai...come a sua mãe filhinho...ai...enfia no cu da sua mãe...está doendo....está doendo...ai”. Virou-se para o marido e disse: “Olha o tamanho do pau do seu filho...olha como ele arromba o cu da sua esposa...olha o seu filho comendo a mãe dele.” Então o pai do Marcos se aproximou e beijou a boca da sua mãe, enquanto ela continuava a cavalga-lo. Ele gozou dentro do cu dela, ela saiu de cima dele, ficou de quatro e colocou o pau dele na boca e seu cu ficou apontado para o seu marido que notava o esperma sair daquele buraco aberto e escorrer pelas coxas. Marcos novamente gozou dentro da boca da sua mãe que engoliu toda a porra.

Seu pênis continuava em pé devido ao remédio e ao anel. Então ela o sentou no sofá virou-se de costas e enfiou no cuzinho. Apoiando as mãos nos joelhos do filho, fez movimentos circulares com a bunda e desta vez sem tirar os olhos da cara do marido disse: “Seu pau está duro, querido?”Ela deitou as costas sobre o peito do filho, levantou as pernas, abrindo a bucetona. Seu marido tirou o pau para fora do pijama e começou a punheta-lo olhando a buceta da sua mulher aberta e o pau do filho no cu dela. Então ela falou: “Vem querido come a minha buceta” Seu Agenor meteu o pau na buceta da mulher e ela enfiou a língua em sua boca e dizia: “Enfia na buceta da sua esposinha...enfia.”

E lá estava ela com o pinto do seu filho no cu e do seu marido na buceta. O sorriso no rosto revelava o prazer que sentia. Gozou, gozou como nunca havia gozado antes. A partir daquele dia o Seu Agenor não brigou mais com Marcos. Ela havia estabelecido a paz no seu lar.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico fui corno ingenuocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteconto eroticos comendo a irma de perna quebradacontos inocênciacontos eroticos com velhojumento comeu contoscontoseroticosbebendoporracontos eroticos minha mulher me castiga apertando minhas bolascontos eroticos minha baba gostosa perdendo minha virgindadecontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de heteros branco comendo bunda negraContos eróticos gay bem novinho querendo sentar no colo do papaicomparando paus contoscontos abusado pelo tiomeu marido chamo o garçom do motel pra me fudercontos eroticos eu minha esposaConto cm foto d esposa putinhaContos eroticos menino meu amigo comeu minha esposa ela deu para o meninocontos a filha da minha namoradaContos eroticos fui comido por uma travesti dominadoraminha mulher contou que ficou com a buceta arrombada em floriparelatos comendo o cu da crente na marramais que irmaos contos eróticos virgensmenina de menor fazendo filme pornô com minha Duducontos eróticos com novinha casada com cara do pau gigantewww. brasileiras provocando com olharesde safadas pornoCU arrombado ABERTO madrasta contoenfiando as havaianas na boca contos eroticoseu quero história comendo a minha vizinha e ela nem dá bolacontos freirinhaconto porno mulher adora novinhocomeçando se transformar travesti .. encarando pau enormesó não doidão priminha gostosacontos no orfanato gayContos erotiicos traindo mo resguardocontos eroticos arrombando a gordacontos eroticos sou uma coroa vagabunda levei o muleke na minha casa e fiz ele comer meu cu e minha bucetaescurdo bucetona arreganhada foto delasporno mulhres usano chortes Cavadãocontos eroticos abusada levando tapacontos erotico fui concertar s torneira da vizinhacontos cunhadacontos eroticos arrombando a gordacontos casada pegando carona no caminhaocontos eróticos cadela e putona famíliasconto erotico com velho caralhudocontos eroticos arrombando a gordacontos sogra chupou genrro traindo no carro na ruaconto depravadaMeu vizinho tiro meu cabaço bebadaver conto veridico minha baba abusado por minha babamadre superiora e felino no banheiro e mete nela de sexocastigo boquete contosBusca por contos de esposa reais, que vai para balada e deixa o marido transtornado quando ela demora no banheiro e pega ela transando no estacionamentocontos elas gostam de chupar e punhetacache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html tracei minha irmã contoscontos de coroa com novinhocomi minha prima contos eroticosxoxota doce contosconto ertico lambendo buceta ela gem mtocontos abusada pelo cachorrocroa de pernas abertas dando pro marofocontos eroticos arrombando a gordaZoofilia contos menininha chega do colégio animaisconto punhetinha gostosacontos erotico fui concertar s torneira da vizinhaconto erótico -- brincando com os meninos na construçãocontos fui fodida pelo meu pai betinhaum careca inesquecivel contosmeu chefe me chupouconto sexo coroa ricaço esposaCasa dos Contos Eróticos tirando as pregas da sograguarda noturno maduro conto gayContos eroticos eu e minha esposa fudemos com o nosso sobrinho gayContos eróticos mãe nãocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentexxx videos mulheris bem safadas que brinca com o pauzinho pequeno do marido tampinha