Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

UM VIAGEM MUITO LOUCA (1)

No meu conto anterior eu contei pra vocês sobre uma das loucuras que realizei com meu ex namorado e algumas pessoas escreveram pedindo que eu falasse mais de mim.

Todos me conhecem como Cacau, tenho 25 anos e muiiiitas histárias pra contar. Tenho 1,65 e faço o tipo cavala, com seios grandes, quadris largos e pernas grossas. Atualmente estou ruiva, pois adoro mudar meu visual. Meus olhos são castanhos e amendoados, tenho uma boca carnuda que chama a atenção de homens e mulheres. Adoro fazer caras e bocas, seduzindo pelo olhar e pelo sorriso enorme e convidativo.

A coisa que mais me dá prazer é ver um homem caído na cama, completamente acabado depois de uma boa transa, sem conseguir nem se mexer, exceto pelo corpo inteiro pulsando forte depois do orgasmo. Não posso descrever a sensação de poder que isso me dá.

Gosto de uns tapinhas, mordidas e de homens fortes que saibam me domar.



Vou contar hoje uma outra histária com esse meu ex, um homem tão tarado quanto eu e que topava todas as minhas fantasias. Isso aconteceu no primeiro anos de namoro, antes da histária com o primo dele. Tínhamos terminado o namoro quando fizemos uma excursão para Porto Alegre, para um Congresso estudantil (nos conhecemos na faculdade e fazíamos o mesmo curso). Eu ainda gostava muito dele e estava preocupada em viajarmos juntos. Assim que entramos no ônibus ele se sentou junto a uma ex dele e começaram a conversar animadamente. Eu fui pro fundão e reencontrei uma colega de cursinho, a Liz, que estava completamente mudada desde a última vez que a vi. Ela tinha emagrecido, seu corpo ganhara curvas perigosas, seu cabelo, sua pele, seu jeito estavam mais... mais mulher. Ela inteira transpirava sensualidade. Eu mal reconhecia a adolescente espinhuda e boba que conheci no cursinho.

Em pouco tempo esqueci meu ciúme do Paulo e passamos a colocar a conversa em dia. A viagem de São Paulo a Porto Alegre dura quase 20 horas e minha esperança era conseguir seduzi-la até lá.

Algumas horas depois o Paulo foi pro fundão e, como me conhecia muito bem, percebeu as minhas intenções e resolveu se aproveitar disso. Se apresentou, entrou na conversa e esqueceu a ex lá na frente...

Nás dois começamos a seduzi-la sutimente, mas a Liz já tinha vivido muita coisa desde que entrou na faculdade e era mais esperta do que parecia.

Foram três dias em que ela nos torturou com um jogo de sedução maravilhoso. Ficávamos o tempo todo juntos e ela se mostrava, contava histárias picantes, nos paquerava... mas não dava!

Todos os dias no fim da tarde comprávamos vinho e íamos pra varanda do hotel beber e conversar. No segundo dia eu quase a agarrei. Ela estava de saia e sentou-se no chão da varanda abraçando os joelhos e mostrando a calcinha minúscula que mostrava até alguns pelinhos. Enquanto isso jogava olhres e falava balançando os ombros como uma onça. Ainda nessa posição ela contou sobre o dia que tinha transado com três homens. Na época ela tinha dois namorados (e queria mais!) e fez com que os dois arrumassem mais um amigo para satisfaze-la.



Assim que eu e meu ex nos olhamos em sinal de atacar ela atendeu um telefonema e saiu de fininho para encontrar as amigas. Foi assim que tivemos a certeza de que la era uma felina, daquelas que brinca com a vítima pra afirmar sua superioridade antes de comer.

Eu e o Paulo fomos pro meu quarto e transamos loucamente durante horas. Era uma confusão de línguas, pernas, gozos. Assim que chegamos no quarto não tivemos tempo nem pras chupadas preliminares, que tanto gostávamos. Apenas tiramos as roupas, eu o joguei na cama, subi em cima e cavalguei, rebolando com força e velocidade enquanto ele apertava meus seios até doer. Não sei por quanto tempo fiquei ali naquela posição, mas me lembro de rceber um forte tapa e dele me jogar na cama e me colocar de quatro como uma cadela e me penetrar com muita força. Então ele segurou meus ombros, de um jeito que ficava difícil me movimentar e me deu uma estocada de ver estrelas. Tirou o pau até a entradinha e me deu outra e fez de novo, de novo e de novo. Com uma mão ele puxou meus cabelos e com a outra dava tapinhs estralados na minha bunda e me comeu até eu gozar muito. Assim que eu gozi ele me deu um presentinho delicioso. Tirou o pau pra fora e gozou sobre a minha bunda em jatos fortes.

O tesão daquela tarde foi tanto que nem assim conseguimos nos satisfazer. Não descansamos nem dois minutos e começamos a nos beijar, com tesão, mas dessa vez com mais calma. Fizemos um 69 maravilhoso e depois ele me comeu na posição frango assado

. Ele chegou no meu ouvido e pediu o meu cuzinho. até então eu tinha dado o cu sá duas vezes, uma porque estávamos bêbados e ele insistiu muito e outra ele me pediu de presente de aniversário. Não gostei muito por causa da dor, e sá em poucos momentos que a dor cedeu eu consegui sentir algum prazer. Mas naquele dia eu estava tão louca de prazer que disse pra ele que ele podia comer tudo se me fizesse gozar. Então ele começou a me penetrar fundo, mas num ritmo calmo que foi aumentando devagar, até que eu explodi num gozo fenomenal. Quando eu vi, já estava de bruços e com o pau dele na porta do meu cuzinho. Meu cuzinho já estava todo lambuzado com meu gozo e como eu estava super relaxada isso facilitou a penetração. Ele foi forçando devagar na entradinha e depois que a cabeça entrou foi dando umas bombadas de leve. Doeu um pouco, mas nada comparado às outras vezes que fiz isso. Depois que entrou tudo ele começou a bombar com mais força e foi cmeçando a ficar gostoso, e cada vez mais. Ele falou pra eu me masturbar enquanto ele me comia e isso aumentou meu prazer. Ele gemia e a voz dele me excitava ainda mais, ele apertava minhas costas, deitava sobre mim e pegava meus seios, se contorcia e tudo isso foi me fazendo me sentir poderosa, apesar da posição de submissão. Ele pediu que eu gozasse, então me masturbei mais ainda e gozams juntos. Ele caiu sobre minhas costas e não conseguiu nem tirar o pau da minha bunda, fui eu que tive que girar o corpo e coloca-lo na cama. Deitei por cima dele e dormimos como anjos.

Mas a viagem ainda não tinha terminado.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


dei a xana de graca contos eroticosmanuela pedreiro contos eroticosCONTO DEPRAVADAcontos tudo enfiado no cucontos eu novinha e meu primo me inicioucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos por causa da chuva comi um cuContos eroticos de comi a bunda do professorcontos de coroa com novinhocontos eróticos a coroa casada foi estuprada dentro de sua casaDei a bucha pro meu sobrinho virgemconto minha madrasta me transformou em mulherporn contos eroticos estuprada todos os diasbundonas de30anos no cuconto gay colocontos cachorro lambendo penis de homemeroticosgameO velho asqueroso quebrou meu cabaço e eu gozeipai q come filha no sitiocontosVidios porno meu irmao me estrupou cravo tudo o pazao eminConto erótico namorada mestiçaporno.pai.padado.jeu.nabuseta.dafilihaminha cunhada me suprendeu contoscontos eroticos meu vizinho me bulinava gaycontos eroticos tia que foi para a fazendo e sobrinhoContos eroticos gay meu cachorro me comeucontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecazal gay fudedo gostoso ao vivoconto erotico sou empregada e viuvacesto de roupa sujas contos eróticosconto erótico arrombei o fortãopornô de Juazeiro meninas gostosinhas na realidade lado da cidade de Juazeiro da Bahiaconto virei cdzinhacontoserotico mendigo fudendo madamevideo porno os peões da minha fazendo me foderamgozando pelo cu contos eróticosContos de sexo a amiga da minha mãecontoscomsograsesfregando na irma caçula contoscontosConto erotico tudo por meu filhoComtos namorada fodida para pagar dividas do namoradocontos gays chantagem no quartelsó umbiguinhos lindos e peitos durinhossexo contos mendiga estuprocontos com a visnha casada escondido oaarreganha abuceta no fank muito gosocomtos exitantescontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticontos heroticos - brincando de pique escondecontos eroticos arrombando a gordagozando no cu peludinhos das velhas feiascontos erótico pai ficou muito bravo ao saber que seu filho é gaymenininha conto eroticoprimos q pegaram primas pela cinturacontos eroticos comendo o cu da vendedora da avoncontos eroticos familia rentconto erótico de gay dando o cuzinho pro primo aos dez anosconto erotico nao acreditei o que eu vi parte 2contos eroticos esposas adora pau grande e muita porra levei ela pra dar pum cavalocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos de coroa com novinhoesposa na praia de nudismo passa lama contoconto namorada virgem amigoscontos minha mulata foi arronbada e curradaseios tezudos ai q tezãoquero ver o filme de pornô a mulher metendo o Cascão na gemendo gemendoContos minha doce sobrinha melcontos erodicos de cabrito macho fazendo sexo com gostosa zoolofiacontos eroticos pivete semenvídeo de bocado de mulher dançando de fio dentalrelatos veriducos de mulheres casadas que deram o cu pra outros homens na frente de seus maridosconto de meu avô rasgou meu cuaos 60 anos dei a buceta pro menino de 15 contosfilme pornô com gordinhas empadãoContos eroticos minha amiga me contoucontos enteado gordo rabudo